origem

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Olho de Águia - Vitória FC vs Sporting

Na oitava jornada da Liga Zon Sagres, o Sporting deslocou-se a Setúbal para defrontar o Vitória local. O árbitro do encontro foi Paulo Baptista, tendo um desempenho muito aquém do esperado. Permitiu jogo faltoso em demasia a ambos os clubes, muito permissivo no capitulo disciplinar, e com demasiados erros no capitulo técnico. O árbitro acaba por ficar ligado ao destino do jogo, tendo sancionado o segundo golo do Vitória obtido de forma irregular.

O vídeo está disponível para download em:
A palavra passe é socioencarnado

  • Resumo
Paulo Baptista teve noite difícil no Bonfim. O árbitro teve decisões erradas em demasia, com influência directa no resultado. Deu algumas vezes a lei da vantagem de forma errada, pois a equipa faltosa tirou sempre o beneficio disso. No capitulo disciplinar, deixou alguns amarelos e vermelhos no bolso e nos foras de jogo não teve a ajuda necessário dos seus auxiliares. O golo da vitória sadina é disso um exemplo.

  • Lances Bem ajuizados
36' - Cedric derruba Pedro Santos já perto da área. Amarelo bem mostrado.
49' - Wolfswinkel comete falta sem bola sobre Bruno Amaro. Amarelo bem exibido.
63' - Rinaudo tem uma entrada faltosa sobre um jogador do Vitória passível de amarelo. Bem exibido aquele que seria o segundo amarelo.
76' - Miguel Lourenço tem uma violenta entrada sobre Wolfswinkel que só podia dar mesmo o vermelho. Decisão correctissima.

  • Lances Mal ajuizados com beneficio da dúvida
24' - Ninguém do Vitória está adiantado face a linha defensiva do Sporting. Fora de jogo mal assinalado, embora o jogador do Sporting que está a colocar todos em jogos esteja algo tapado por um jogador do Vitória.
45' - Wolfswinkel está no limite do fora de jogo, mas em posição regular.
68' - No lance decisivo da partida relativamente ao resultado, Meyong parte ligeiramente adiantado face à defesa do Sporting. O consequente fora de jogo inviabilizaria a obtenção do golo.

  • Lances Mal ajuizados Graves
9' - Wolfswinkel é derrubado à entrada da área por Ney Santos, depois de passar a bola para o espaço vazio. Mal o árbitro a dar a lei da vantagem, pois a bola ficou na posse de um jogador sadino.
20' - Rinaudo tem uma entrada perigosa sobre Meyong, sancionada pelo árbitro. O amarelo justificava-se.
27' - Bruno Amaro comete falta perigosa sobre Rinaudo. Mais uma vez o amarelo ficou no bolso.
43' - Insúa derruba Pedro Santos na ala direita do ataque sadino, fazendo uma obstrução. Mal mais uma vez o árbitro a dar a lei da vantagem.
45' + 1' - Jeffren está pelo menos um metro atrás da defesa do Vitória quando o passe é feito. Muito mal o Auxiliar a levantar a bandeira.
49' - O amarelo a R. Silva foi mal exibido, pois foi Miguel Lourenço a derrubar Wolfswinkel. Houve uma troca do jogador a admoestar em mais um lapso do árbitro.
59' - R. Silva dá uma cotovelada na nuca de Wolfswinkel ao disputar uma bola aérea. Em lance de agressão, o árbitro inacreditavelmente assinalou uma falta de Wolfswinkel. Muito mal a ajuizar o lance.

  • Dúvida
13' - Estaria Cristiano em fora de jogo? Impossível dizer sem imagens do lance.


Num jogo com algumas quezílias, o trabalho do árbitro tem influência directa no desfecho do mesmo. As confusões e lapsos, a permissividade, a falha a dar a lei da vantagem, a falta de ajuda dos Auxiliares, tudo isto contribuiu para uma má arbitragem no Bonfim. Se em alguns lances há que dar o beneficio da dúvida (inclusivamente no lance do golo irregular), na maioria as decisões simplesmente, não se compreendem.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.