origem

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Olho de Águia - Gil Vicente vs Benfica

Na sétima jornada da Liga Zon Sagres 12/13, o Benfica deslocou-se a Barcelos para jogar com o Gil Vicente. O árbitro Vasco Santos teve uma actuação segura e consistente, tendo anotado uma boa exibição. A vitória do Benfica não oferece contestação pois foi a melhor equipa no terreno de jogo.

O vídeo está disponível para download em:
A palavra passe é socioencarnado

  • Resumo
A equipa de arbitragem liderada por Vasco Santos esteve em bom plano, tendo tido uma boa arbitragem. Nos lances mais polémicos apenas falhou em não ter expulso Enzo Perez mais cedo (uns minutos) por falta sobre Luciano (a mesma não foi imediatamente perceptível). De resto, esteve bem na aplicação de critérios iguais para ambas as equipas tanto no capitulo técnico como no capitulo disciplinar.

  • Lances Bem ajuizados
16' - Falta de Pio sobre MAxi Pereira. O jogo perigoso do gilista não merecia amarelo.
22' - Amarelo bem exibido a Matic. A falta sobre Brito parou um contra-ataque perigoso da equipa gilista.
32' - Amarelo bem exibido a Enzo pela falta sobre Pio. O argentino chega tarde ao lance e derruba o gilista nas imediações da área encarnada.
37' - Amarelo bem exibido a Luis Manuel pela falta sobre Luisinho. Apesar de também tocar na bola, a entrada é bastante perigosa.
40' - Falta de Luis Carlos sobre Maxi bem assinalada. O toque no pé do uruguaio existe e é suficiente para o derrubar.
70' - Amarelo bem exibido a Enzo pelo derrube a Pio. O gilista tinha caminho livre no flanco esquerdo para criar perigo.
71' - Amarelo bem exibido a André Cunha. O gilista introduziu a bola na baliza com a ajuda da sua mão direita.
84' - Yero está ligeiramente adiantado no momento do cruzamento. Fora de jogo bem assinalado.
86' - Yero novamente ligeiramente adiantado no momento do cruzamento. Desta vez o adiantamento é por centímetros, pelo que se tivesse deixado seguir não era nenhum escândalo.

  • Lances Mal ajuizados com o beneficio da dúvida
59' - Enzo deveria ter visto cartão amarelo por colocar a mão na cara de Luciano. A acção passou despercebida em lance corrido, sendo descortinada após uma repetição. Seria o 2º amarelo e consequente expulsão.
74' - Yero está ligeiramente adiantado no momento do passe. Beneficio da dúvida para o Auxiliar.
79' - Yero empoleira-se em Cardozo antes de cabecear a bola. Deveria ter sido marcada falta. No aglomerado de jogadores é possível que o árbitro não tenha percebido o lance.


Sem nenhum lance muito grave, a actuação de Vasco Santos e da sua equipa de arbitragem tem de se considerar como boa. Não teve qualquer influência no resultado final de um jogo dominado completamente pelo Benfica, mesmo quando se viu reduzido a 10. O resultado é justíssimo e não oferece contestação.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.