origem

terça-feira, 24 de abril de 2012

A diferença por muito que me custe

Não gosto de Miguel Sousa Tavares (MST). Abomino a sua capacidade para dobrar a coluna vertebral, quando o assunto é futebol. Ricardo Araújo Pereira e Zé Diogo Quintela (RAP e ZDQ) demonstraram bem a sua vertente "mentirosa", semanalmente nas páginas d'A Bola, pelo menos enquanto os deixaram.

Mas numa coisa tenho de o admirar, a ele e à esmagadora maioria dos adeptos azuis. A sua exigência é máxima. Na capa d'A Bola vem a frase que eu, sinceramente gostava de ouvir de um benfiquista.
Campeonato sabe a pouco e sabe a coisa imprevista!
O campeonato está no bolso (só uma hecatombe/milagre o impedirá), mas parece que ninguém está satisfeito com a equipa ou com o treinador. E essa exigência passa para dentro do campo nas alturas chave, entrando o Porto sempre motivado também por ela. O facto, é que em momentos decisivos e na esmagadora maioria dos casos, o Porto não falha e o Benfica baqueia. 
Enquanto a maioria de encarnados acha que uma Taça da Liga e um campeonato é suficiente, para outros, o campeonato ganho assim sabe a pouco. São diferentes níveis de exigência.

Podem falar-me dos árbitros, e na grande maioria dos casos concordo que há uma ajuda extra ao Porto ao passo que para o Benfica ficam erros escandalosos contra. Só que numa coisa, já há muitos anos que eles nos ultrapassam, na atitude competitiva. Alguém, minimamente lúcido, que acompanhe o fenómeno futebolístico em Portugal, acredita que o Porto teria jogado em Alvalade da maneira que o Benfica jogou? Apático e sem garra. Acho, sinceramente, que não.

PS: Já em Novembro passado eles se manifestavam contra o pino que os treina. Podem ver aqui um video de um deles, que aparte a linguagem, diz tudo.


11 comentários:

  1. concordo a mil por cento, Danilo.
    Tomara a nos, essa exigência.



    Ela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Ela,

      Muitas vezes (vezes demais) é esta a nossa maior fraqueza. Se nada acontece ao presidente após (mais) um mandato destes, como pedir exigência a vice-presidentes, membros dos órgãos sociais, staff técnico e atletas? Não podes.

      Eliminar
  2. Qualquer dia tiram-te de sócio.....ed

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Ed,

      Já me acusam de não ser sócio, mas isso é para o lado que durmo melhor.
      Expulsarem-me (é este o termo) de sócio não o podem fazer (se me expulsarem, exijo pelo menos que façam o mesmo ao presidente pois já fez mais mal ao clube, que eu algum dia farei), pois eu não insulto ninguém (embora talvez o merecessem por tanta porcaria feita), não mando abaixo o Benfica, aliás só quero o seu engrandecimento e acima de tudo não sou faccioso.
      Sou fanático do clube pois quero saber tudo acerca dele, acompanhá-lo em tudo e vê-lo ganhar. Alturas há, em que até me tento desligar, face aos constantes murros no estômago que vou recebendo, mas é impossível. A "doença" já não tem cura.

      Eliminar
  3. Com este presidente não vamos lá.Em breve começarão as notícias das contratações e o de para o ano é que é.Rui Costa não risca nada,JJ faz as asneiras que quer.LFV ganhou a eleição após um golpe eleitoral e,de vez em quando,vem dizer que talvez se vá embora.Mas vai sempre ficando.Porquê? Por amor ao clube,um homem que dirigiu o Alverca e festejou com Pinto da Costa golos contra o SLB?Mas há benfiquistas que continuam de olhos fechados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo,

      O presidente será julgado nas eleições em Outubro. Infelizmente, esta falta de exigência será um dos factores determinantes na escolha feita...

      Eliminar
  4. Concordo com tudo o que foi dito. É uma pena que nós não temos jogadores que sentem o clube como os sócios e adeptos. A exibição do Benfica em alvalade foi uma pura falta de sentimento do nosso grande clube. Os lagartos jogaram um dia depois de nós e com uma viagem longa, mas correram mais do que nós, o que para mim é estranho. Sabendo que estava em jogo o título, será que isso não era um estímulo maior. Mas a culpa em primeiro lugar é do LFV (falta de liderança), em segundo do nosso treinador (muita teimosia e opções estranhas) e só depois vem os jogadores. Para mim o ciclo de LFV terminou, o treinador só deve continuar se terminar com os tiques de vedeta e com a sua teimosia, para isso é necessário um presidente forte que lhe faça ver que o clube não é dele (acabar com os vícios)mas sim dos sócios e dos adeptos que lhe pagam o ordenado. Saudações benfiquistas, JS.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro JS,

      A exigência começa sempre no topo. SEMPRE! A partir dai pode haver profissionais mais ou menos competentes.

      Eliminar
  5. Discordo de certa forma do que foi dito.

    É verdade que eles têm uma grande exigência, para mim normal. Quanto mais se ganha mais se quer. A nossa quanto a mim já esteve pior do que está agora. A taça da liga já foi motivo de festejos, enquanto nas duas ultimas épocas se ouviram assobios após essas conquistas.

    Mas ainda assim para mim as razões destas criticas de MST não têm a ver com exigência.

    Estas criticas para mim são o reconhecimento de que eles não mereciam vencer o campeonato, mas o vão vencer graças a árbitros e comissão disciplinar. Já percebi que não é dada aqui muito importância a esse factor, mas para mim tem adulterado os campeonatos numa média de 20 pontos entre as 2 equipas. E não estou a ser exagerado pois entre os pontos que nos tiram e os pontos que lhes dão, em 5 jogos facilmente se consegue. Tendo em conta os confrontos directos que valem 6/7 pontos ainda mais fácil se torna.

    Para mim o Benfica esta época foi muito melhor que a concorrência. Os piores jogos que fizemos (não foram tantos como isso, e normalmente a seguir a jogos europeus) conseguiram ser melhores que maior parte dos jogos dos corruptos. O problema é que quando as coisas estão complicadas para eles aparece sempre a desbloquear esse jogo um penalti ou uma expulsão (foi assim que venceram em casa o Maritimo, Gil Vicente, Leiria, Feirense, Beira Mar e conseguiram empatar com a Académica. Fora de casa a mesma técnica com Guimarães, Olhanense(falharam um penalti) e a técnica dos foras de jogo que deu a vitoria na luz e manteve o empate em Alvalade (fora-de-jogo mal assinalado quando Elias estava isolado)). Podem falar que nalguns casos foram lances bem ajuizados. O problema é que nos jogos do Benfica, quando estão complicados, acontece exactamente o contrário e o critério nunca é o mesmo.

    Para alem disso existem as expulsões. O porto tem 2 e ambas depois dos 90'. Estiveram 0 minutos a jogar com jogadores a menos. O Benfica penso que teve 5 e 3 delas em jogos com os grandes, e as 3 vão contra o critério que os árbitros estavam a utilizar nesses jogos. Outra curiosidade é que em cartões amarelos as equipas se equivalem, não se percebendo muito bem por isso porque é que o Benfica tem 4 expulsões por duplo amarelo e o Porto não tem nenhuma. Brevemente vou fazer um post sobre isso mesmo.

    Quanto ao resto da época podem ir vendo o meu blog na página desta época para verificar alguns jogos em que fomos prejudicados e outros em que o Porto foi beneficiado. Irá sendo actualizado com o tempo. Pelo menos acho que vão ficar com uma ideia um pouco diferente da arbitragem. Para mim não pode ser desvalorizada de maneira nenhuma, mesmo sabendo que também cometemos erros.

    http://pluribusunum7.blogspot.pt/p/epoca-20112012.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro PluribusUnum7,

      sigo o teu blog assiduamente e é de facto notável a paciência que tens, para fazer os videos que fazes. Concordo com muita coisa que escreves e metes em video, mas para mim falta-te uma coisa. Falta-te mostrar quando o Benfica é efectivamente beneficiado. A comparação seria seguramente a nosso favor em muito, mas ajudaria ainda mais à nossa causa.

      Quanto às palavra que escreveste, é certo e sabido que somos mais prejudicados pelos árbitros. Agora a nossa exigência interna deixa muito a desejar. A esmagadora maioria dos benfiquistas está bastante satisfeita com o que temos alcançado nos últimos 10 anos. Se jogamos mal e não vencemos as culpas são SÓ dos árbitros. O treinador é teimoso e tem escolhas muito penalizadoras para nós? A culpa é SÓ dos árbitros. O presidente apoia corruptos para cargos de poder e "esquece-se" do Benfica nas suas imensas viagens de negócios? A culpa é SÓ dos árbitros.
      Desculpa lá, mas não alinho nisso. Para derrubar este nojento Sistema implantado é necessário em primeiro lugar uma coisa: sermos competentes com o que nos cabe a nós controlar. E aqui entra novamente a gritante falta de exigência dos benfiquistas de hoje. Ainda ontem ouvia um consócio meu dizer que Vieira é o melhor presidente dos últimos 50 anos. Mas está tudo louco?

      Eliminar

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.