origem

terça-feira, 2 de outubro de 2012

O Benfica que Eu quero - IV

O quarto artigo desta série foca-se no aspecto da Comunicação do clube para o exterior. É fundamental que esta comunicação seja séria, honesta, incisiva e coerente.
Este é um dos pontos mais importantes da actualidade. Uma boa comunicação, seja com os sócios, adeptos ou sociedade em geral, é meio caminho andado para a realização de objectivos. Preconizo um modelo comunicacional assente numa premissa simples, o Benfica tem de ser defendido a todas as horas. Como tal tenho algumas ideias acerca do que poderá ser essa comunicação de informação e defesa do clube. Algumas destas ideias, já as vejo a ser implementadas, o que muito me agrada.

1.    Remodelar o departamento de comunicação, para que tenha o controlo da informação veiculada pelo clube. Não se pretende que o departamento seja uma mordaça a quem quer que seja, mas por vezes (a maioria das vezes até) é necessário que não existam muitas vozes a dizer coisas diferentes vindas de dentro do clube. As suas competências são ao nível de:
1.1.    Analisar as noticias difundidas nos meios de comunicação que digam respeito ao clube, aos seus dirigentes e aos seus sócios e/ou adeptos (hora a hora se necessário).
1.2.    Compilar uma base de dados com as várias incongruências dos jornais e TV’s que pretendem “criticar” o Benfica, apresentando-as sistematicamente com respostas cabais de defesa do clube.
1.3.    Centralizar no departamento a resposta a quaisquer ataques feitos ao clube. Os elementos das várias equipas do clube deverão remeter para o departamento quaisquer temas fora da sua área de acção directa. Um simples “O departamento de comunicação do clube irá pronunciar-se acerca disso” é suficiente para acabar com o ruido à volta de técnicos e atletas.
1.4.    Fazer comunicados/videos/sessões, com provas dos ataques injustificados e de baixo nível ao clube, com as respectivas respostas. A periodicidade dos mesmos serão consoante a necessidade. Poderão ir desde respostas imediatas a apanhados semanais.
1.5.    Divulgar informação não privilegiada aos sócios para acabar com suspeições. Um exemplo são os moldes dos negócios de compra e venda de atletas (apenas depois dos negócios efectivamente concluidos).

2.    Criar o Fórum Benfica.
O fórum será um espaço fora das Assembleias Gerais, onde os associados poderão participar, dando sugestões ou fazendo criticas, de modo a melhorar o funcionamento do clube.
2.1.    O fórum será saltimbamco, ou seja, andará por Portugal (talvez extensível ao mundo). Todos os sócios têm o dever de ir às Assembleias Gerais do clube em Lisboa, mas muitos simplesmente não têm essa possibilidade. Ao levar o fórum até eles, fomenta-se a militância, expande-se a partilha de conhecimento e ideias, avança o progresso do clube e tem-se uma perspectiva melhor acerca daquilo que os sócios efectivamente desejam.
2.2.    O fórum será preferencialmente mensal, embora possam haver mais se assim se justificar.
2.3.    O fórum, terá obrigatoriamente que ter pelo menos um membro da direcção e da Assembleia Geral, podendo, caso exista vontade, esse numero ser alargado a mais elementos dos órgãos sociais.
2.4.    Todas as ideias nascidas deverão ser registadas, bem como o seu autor, e este deverá ser informado acerca da viabilidade da ideia (se o Benfica vai avançar com a realização da mesma ou não). A análise poderá ser imediata ou não dependendo do teor da ideia. As ideias não são vinculativas.
2.5.    O fórum será realizado preferencialmente ao fim de semana, para que o maior número de sócios possam participar e terá duração máxima de 3 horas.
2.6.    Qualquer ideia, poderá ser submetida antecipadamente para que se discutam o seus méritos.

3.    Utilizar os meios de comunicação ao dispor do clube para publicitar os eventos desportivos envolvendo as nossas equipas das várias modalidades.
3.1.    Sempre que possível, incluir anúncios no jornal e televisão do clube, com uma semana de antecedência dos eventos.
3.2.    Criar videos de promoção (a realizar pelo departamento de comunicação ou por benfiquistas anónimos a pedido) das várias modalidades. Os videos promocionais serão exibidos em jogos de futebol e de outras modalidades, no site e tv do clube e ainda na internet.
3.3.    Realizar campanhas de informação nas novas plataformas de comunicação (redes sociais).
3.3.1.    Criar o dia da modalidade, que consistirá na divulgação maioritária de noticias dessa modalidade durante o dia relativas à história, eventos futuros e curiosidades.
3.3.2.    Criar interactividade com os adeptos, através da criação de jogos, questionários, “torneios”, etc, em que se pede a intervenção destes com os “melhores” a terem direito a prémios simbólicos.
3.3.3.    Criar a entrevista ao atleta em tempo real, para fomentar a empatia dos adeptos com a modalidade.
3.4.    Marcar jogos de modalidades no complexo da Luz, para o mesmo dia que o futebol, criando o dia à Benfica, publicitando o mais possível a ocasião.
3.5.    Permitir que elementos da estrutura de futebol, possam pedir a comparência dos adeptos para jogos das modalidades, quando tal se justifique. Possibilidade de criação de spots publicitários aos jogos das modalidades com esses elementos.

4.    Criar uma regra interna de que qualquer membro da estrutura do clube (seja ele dos órgãos sociais, da estrutura da SAD, staff ou atleta) marque presença regular em quaisquer debate semanal (seja ele de TV ou rádio ou noutro meio de comunicação). Não é para isso que foi eleito/contratado. Isto aplica-se sobretudo aos programas semanais de discussão de futebol, mas é extensível a quaisquer outra modalidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.