origem

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Afinal também vê o YouTube

Baseando-me na mais recente entrevista do presidente do Porto à revista do seu clube, ficam dissipadas todas as dúvidas. Pinto da Costa também andou no YouTube a ver (e a ouvir) as escutas do processo Apito Dourados. Escrevi "as escutas"? Erro meu. É "A escuta".

A mesma pessoa que fez o que quis e lhe apeteceu da arbitragem em Portugal, como tão bem comprovam as escutas que todos vimos e ouvimos, dá-se ao desplante de mencionar a única escuta que envolve Luis Filipe Vieira nesse processo, onde os me(r)dia tentam passar a mensagem de que Luis Filpe Vieira tentou influenciar a escolha do árbitro da meia final da taça de Portugal desse ano por sua iniciativa. 
Para que conste, pela enésima vez, Luis Filipe Vieira atende o telemóvel a Valentim Loureiro, após várias tentativas frustadas por parte dos responsáveis da Federação, de chegar à fala com o presidente do Benfica. E na escuta referida, o mesmo presidente do Benfica refere várias vezes que não quer falar sobre árbitros, mas após a insistência de Valentim com nomes verdadeiramente atentatórios ao clube, lá acaba por dizer que João Ferreira "pode ser". Como se vê é exactamente o mesmo que convidar um árbitro para sua casa antes de um jogo. Ou talvez por não ser, é que é referido agora pelo proxeneta senil.

É que está mesmo senil o homem, só pode. E ainda por cima, não tem quem o ajude a amenizar os efeitos da Alzheimer. Se há coisa que nunca devia sair da boca deste proxeneta, é algo relacionado com escutas e Apito Dourado. Acredito mesmo que muitos dos responsáveis portistas não tenham estado atentos a esta entrevista e peçam a todos os santos para que não seja analisada... Querem que tudo isto caia (ainda mais) no esquecimento.

Já sabemos bem que, desde que o facturas Fernando Gomes assumiu os destinos da Liga, eles perderam toda e qualquer réstia de vergonha na cara e sentido do ridículo, mas é bom que as autoridades estejam atentas a estes episódios. Poderiam inclusivamente confrontar o dito proxeneta com as outras escutas que ele aparentemente "não ouviu". 
Era até uma bela ideia para algum jornalista mais tresloucadamente integro (se é que ainda os há).

Como diz o Aguiar: É Muita Fruta!

1 comentário:

  1. por falar em youtube, não queres partilhar este video:

    http://www.youtube.com/watch?v=GKQWDImgUdI

    ResponderEliminar

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.