origem

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Eu não mereço festejar

Após a vitória de ontem o Benfica está destinado a vencer este campeonato. Fazer mais 2 pontos com dois jogos teoricamente fáceis em casa, não parece uma tarefa hercúlea, e com a mentalidade demonstrada por Jesus e os jogadores será certamente algo mais que ao alcance da equipa. Os festejos dos benfiquistas estão no entanto muito mais contidos e muito em face do que foram as ultimas três épocas. E ainda bem, pois é bom que aprendam todos que só se festeja algo efectivamente ganho e não prestes a ganhar. Contar com o ovo no cu da galinha dá geralmente mau resultado.

No entanto, na altura dos festejos (esperemos todos que seja no próximo Domingo em casa com os nossos), sinto que não mereço festejar esta conquista. Não me sinto parte dela. Parece-me algo que só agora que estamos à beira de o atingir, me parece real.
Não acreditei que fosse possível em Agosto. Não acreditei até Janeiro e mesmo depois da vitória categórica frente ao Porto, continuei a não acreditar. Inclusive, depois de abafarmos totalmente o Sporting, continuei a não acreditar que seriamos campeões. Esperava sempre que o céu desabasse a qualquer momento, que o infortúnio estivesse à espreita num próximo jogo, que a gestão da equipa não fosse a correcta, apostando-se tudo na Liga Europa. Mas nada disso se passou e a equipa manteve-se no trilho do sucesso.

PS: Também não mereci sofrer como os benfiquistas sofreram nos últimos três anos.

13 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Juan,

      Tem de existir um minimo respeito mesmo que não concorde com a gestão actual. O seu comentário está editado em baixo.

      "De acordo contigo! Sinto exactamente o mesmo. Afastei-me do Benfica, porque nos últimos 3 anos fomos maltratados, vilipendiados e esquecidos por um bando que pouco percebe o que é ser do Benfica. Que n mereceu o apoio e fé de milhares. O clube é uma coisa, sempre serei do SLB. <>. Porém, só voltarei na próxima época. Nesta fico feliz por engrandecermos o palmarés. Mas a prova de fogo para estes indivíduos n é agora, é manter a liderança odo nosso futebol! E nisso o falhanço tem sido constante!"

      Eliminar
  2. Ok tenho de me lembrar de nunca mais ler este blog anti-benfiquista!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Unknown,

      Este blog não é anti-benfiquista, mas faça o que o deixar feliz.

      Cumprimentos

      Eliminar
  3. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  4. Parabens por teres posto a mao na consciencia, e sobretudo por reconhecer. Agora vamos todos esperar pela festa que e' com uniao que se faz o Benfica, nem que seja so' uniao nos festejos. Saudacoes Benfiquistas. E Pluribus Unum.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo,

      Aqui haverá sempre honestidade. Mesmo que isso me custe ser apelidado de infiltrado ou anti-benfiquista, ou outras coisas piores.

      Eliminar
  5. patriarca disse:

    Excelente texto, que exprime o "sentimento de milhões de Benfiquistas", mas que MERECEMOS FESTEJAR disso não restam duvidas, porque GANHAMOS com LISURA de procedimentos, ao invés de outros Verdes ou Azuis que só ganham com falcatruas e crimes corrupcionais.

    ResponderEliminar
  6. embora o título do blog seja"sócio encarnado", tenho dúvidas que o autor seja benfiquista. Acredito que seja um infiltrado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro José,

      Essa linha de pensamento assiste-lhe. No entanto, garanto-lhe que você não é mais benfiquista que eu (e eu não sou evidentemente mais benfiquista que você).

      Eliminar
  7. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  8. Então, eu, benfiquista desde que tenho memória, mereço ainda menos! O ano passado, só acreditei um minuto ..... e o Kelvin, graças ao Roderick e a quem o pôs lá ..... deu-me uma enorme pancada. E eu estava rodeado de (não des)portistas! Este ano, só acredito quando o árbitro acabar o jogo ... seja ele qual for! Não "acradito" no catedrático, e mais nada!

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar

Não serão admitidas faltas de respeito ou insultos nos comentários. Seja aos autores dos artigos, seja entre comentadores.
Pense bem antes de escrever.